Príncipe Charles Telefonou Ao Embaixador Dos Estados Unidos Para Pedir Adiamento Da Invasão Afegã Porque Queria “Honrar” O Ramadã

Fonte/Source: Prince Charles phoned US ambassador to ask for delay on Afghan invasion because he wanted to ‘honour’ Ramadan – Geller Report

Photo credit: (FAYEZ NURELDINE/AFP/Getty Images) included photo/cover-black and white edited by the blog.


Príncipe Charles Telefonou Ao Embaixador Dos Estados Unidos Para Pedir Adiamento Da Invasão Afegã Porque Queria “Honrar” O Ramadã

Por Pamela Geller

1 de Abril de 2017

O Príncipe Charles está tentando ser o Rei dos Muçulmanos. O Príncipe Charles atacou o “populismo anti-imigrante” (uma resposta humana e racional à onda sem precedentes de violência pelos imigrantes Muçulmanos). E agora descobrimos isto.

“EXCLUSIVO — O Dia Em Que O Príncipe Charles Tentou Deter Uma Guerra: Como O Futuro Rei Telefonou Ao Embaixador Dos Estados Unidos Para Pedir Adiamento Da Invasão Afegã … Porque Queria Honrar “O Ramadã”, por Sam Greenhill, Daily Mail, 31 de março, 2017 (Agradecimentos ao Todd):

O príncipe Charles tentou deter a invasão Americana do Afeganistão para “honrar” o Ramadã.

Ele fez esse apelo ao embaixador dos EUA em Londres, quatro semanas depois da grande operação militar lançada após os ataques terroristas de 11 de Setembro.

O enviado, assustado, perguntou ao príncipe: “Senhor, está realmente falando a sério?”, de acordo com um livro que está sendo serializado a partir de hoje pelo Daily Mail. A intervenção de Charles parece ter sido feita pelas costas do então primeiro ministro Tony Blair.

(Photo credit:FAYEZ NURELDINE/AFP/Getty Images)

Na noite passada, um oficial que liderou as forças Britânicas no Afeganistão disse que o pedido do príncipe era um absurdo. Os críticos o descreveram como grosseiramente irresponsável. Políticos no Reino Unido estão acostumados com o príncipe tentando se intrometer na política e seus manuscritos ‘memorandos da aranha negra‘ são lendários.

Vinte mil soldados Norte-Americanos e Britânicos foram mandados ao Afeganistão por George W. Bush e Blair em Outubro de 2001, porque o Talibã recusou-se a entregar o líder da Al Qaeda, Osama Bin Laden.

Cerca de um mês depois da ofensiva — e duas semanas antes do início do mês sagrado Muçulmano do Ramadã —, Charles fez um “apelo urgente” a William Farish, o embaixador de Washington em Londres.

Entrevistado para a nova biografia de Charles, Farish lembrou: “O príncipe Charles me perguntou se seria possível parar a invasão para ele honrar o Ramadan, e se eu poderia transmitir este pedido ao presidente Bush“.

O embaixador explicou que seria bastante difícil deter uma invasão militar já em pleno andamento, mas o príncipe supostamente protestou: “Mas os Americanos podem fazer qualquer coisa!”

O enviado perguntou: “Senhor, está realmente falando s sério?”, E o herdeiro do trono respondeu: “Sim, estou“….


Tradução: Tião Cazeiro — Muhammad e os Sufis

Anúncios

2 opiniões sobre “Príncipe Charles Telefonou Ao Embaixador Dos Estados Unidos Para Pedir Adiamento Da Invasão Afegã Porque Queria “Honrar” O Ramadã”

  1. *

    Soberanamente
    o “tampax” incorporando
    Lawrence da Arábia?

    – FLASh

    http://linkis.com/wordpress.com/ZT7VC
    http://bernardomf.blogfolha.uol.com.br/2013/01/09/os-interesses-de-charles-o-principe-tampax/?cmpid=compw

    *

    Fernando Lopes de Almeida Soares
    (FLASh) IFP/RJ 2477412
    Rua Joanésia, 316 ap 301 Serra
    30240-030 Belo Horizonte, MG
    poetafernandosoares@gmail.com
    facebook.com/cronipoeta
    cronipoesias.blogspot.com
    twitter.com/twiflashes
    WhatsApp etc 319 9882 5505 Oi?

    .

    Curtir

Os comentários estão desativados.